A maravilhosa Rússia

Descubra a Rússia e apaixone-se!

A maravilhosa Rússia – Muitos acreditam que a Rússia é um país gelado e inexplorável. Porém, alguns já descobriram que, na realidade, a Rússia é linda, cheia de surpresas agradáveis e com muitas cores! Descubra a Rússia e apaixone-se!

Alguns dos lugares turísticos que você pode conhecer ao visitar a Rússia são a catedral de São Basílio, as belas igrejas ortodoxas, os grandes ballets e os czares no Kremlin.

Para aproveitar a semana, visite São Petersburgo e Moscou. Vá até os palácios, igrejas, visite os excelentes restaurantes e participe de uma vida cultural agitada entre teatros e concertos dos mais impressionantes do mundo. A quem interessar, uma visita aos lagos e igrejas da Karelia, junto à fronteira com a Finlândia, é outra opção turística!

russia-prmocao

Abaixo, veja algumas dicas sobre a Rússia

Selecionamos algumas dicas do site Vontade de Viajar para você!

1. Aprender o alfabeto cirílico

Essa dica com certeza é a número 1. Os russos em geral não falam inglês e saber ler algumas palavras faz toda diferença. Parece difícil mas não é tanto assim. Basta lembrar que cada letra tem um som e ir juntando os pedaços. Quase todas têm equivalente no nosso alfabeto: a letra H tem som de N, o P tem som de R etc. E simplesmente pela transliteração já é possível entender várias palavras, como супермаркет (“supermarket”, como se fosse supermercado em inglês) ou ресторан (“restoran”, como se fosse a pronúncia de restaurante em francês).

2. Ensaiar frases úteis

É sempre bom saber falar algumas palavras básicas no idioma local (isso vale para qualquer destino: Alemanha, França, Hungria, Argentina, tanto faz). Na Rússia, como é muito difícil encontrar quem fale inglês, frases ensaiadas quebram o maior galho. “Dva bileta”, por exemplo, significa “2 tickets” e serve também para bilhetes de metrô. Para pedir uma cerveja, diga “Adín pivo pozhaluysta” (essa última palavra quer dizer “por favor” e se pronuncia “pajalsta”), e assim por diante. Vocabulário de restaurante também é importante, seja para saber o nome de seus pratos preferidos ou para evitar aqueles ingredientes dos quais você não gosta ou tem alergia (carne de porco, leite, amendoim etc.).

3. Andar de metrô e usar mapa bilíngue…

As estações de metrô de Moscou e de São Petersburgo são atrações à parte, parecem verdadeiros palácios com escadarias, paredes de mármore, estátuas de bronze, lustres enormes… Um luxo só! E o sistema de transporte é bastante eficiente. Só tem um probleminha: 99% das placas estão em russo e é bem difícil entender os avisos sonoros do metrô. Então o melhor jeito é ter um mapa bilíngue, com o nome das estações escrito nos dois alfabetos, para você poder comparar as anotações do seu roteiro com as placas. E fique de olho nas indicações “BbIXO” (saída), pois as estações são enormes e têm várias escadas e conexões – às vezes é difícil encontrar a rua!