Conheça Malta: uma ilha paradisíaca no mar mediterrâneo

Malta é um arquipélago formado por cinco ilhas e localizado entre o sul da Itália e o norte da África, na região central do mar mediterrâneo. É um país muito pequeno – cerca de 300 km2 – mas com uma história milenar que pode surpreender os visitantes. Já foi ocupada por fenícios, árabes, gregos, romanos, espanhóis, franceses, italianos e britânicos, o que garantiu uma incrível mistura de nacionalidades.

Pode-se dizer que Malta é uma ponte entre a Europa e a África, o que lhe conferiu um passado conturbado em meio a guerras para a conquista de territórios. No entanto, isso moldou a paisagem do pequeno arquipélago, um patrimônio da humanidade rico e único. Há um extenso e belíssimo acervo arquitetônico e cultural para ser admirado em toda a parte.

O que fazer em Malta

E, apesar do seu tamanho reduzido, Malta agrada a todos os gostos. A capital Valletta é o centro logístico, comercial e turístico do país. Já quem gosta de agito e baladas noturnas encontra divertimento garantido nas cidades de Saint Julian e Sliema. Mdina e a Ilha de Gozo (Ghawdex) são mais voltadas para quem gosta de contemplar lugares históricos, com tranquilidade, e descobrir particularidades do passado local.

Mdina

Além da riqueza histórica e cultural, o arquipélago também é um excelente destino para quem gosta de esportes náuticos. Ainda há espaço para a prática de golfe ou, simplesmente, para o turista que quer relaxar nas clínicas de tratamento estético e spas. O clima da cidade é perfeito para quem não curte o frio. No verão, as temperaturas são elevadas e o inverno é ameno e chuvoso.

Gastronomia

A comida típica de Malta tem muita influência da gastronomia italiana. Queijo, tomate, vinhos, peixe, azeite de oliva, massas folhadas e pães incrementam os pratos malteses.

Caso você viaje para o arquipélago, com certeza vai experimentar o Pastizzi – pequenos salgados folhados e recheados com ervilhas e queijo. Pode ser saboreado no café da manhã ou lanche da tarde. Há muitos outros tipos de folhados, mas o Pastizzi é o mais apreciado e famoso na cidade.

Pastizzi

Quem gosta de queijos não pode deixar de experimentar o Gbejniet, pequenas fatias de queijo de cabra ou ovelha cortados em pequenas fatias circulares. Esse tipo de queijo tem ainda uma versão picante.

O Hobza é outra comida típica maltesa que você não pode deixar de experimentar. É um aperitivo muito simples, mas delicioso: pão com tomate regado com um pouco de azeite de oliva. Acompanha todos os queijos típicos das ilhas.

Já o Minestra é uma boa opção para quem não come carne. É um ensopado vegetariano feito com legumes e servido como prato principal em muitos restaurantes.

O Timpana é um prato que prova as raízes italianas da gastronomia local. Não deixe de provar essa receita de macarrão com ovos, queijo, bacon e pedaços de carne de vaca e porco.

Talvez a sobremesa mais típica de malta seja o Imqaret, um tipo de pastelzinho frito e recheado com tâmaras. É um doce muito popular e servido em restaurantes, padarias, bares e até pelas ruas das principais cidades.

Conheça a região de St. Paul´s Bay

A região de St. Paul´s Bay possui inúmeras praias para o visitante que deseja curtir o calor do verão quase o ano todo. Bugibba é a mais badalada, onde você pode mergulhar, passear e fazer compras no vilarejo.

St. Paul´s Bay

A orla é encantadora e atrai visitantes de todas as partes do mundo. Há ótimas opções de restaurantes, casas noturnas, bares, cinema e cassino em Bugibba. Na costa, há alguns locais para tomar sol em rochas. Há até uma pequena área de praia artificial que se chama Praia Elevada de Bugibba e que recebe esse nome por não ficar exatamente no nível do mar.

Uma das atividades mais procuradas nessa região é o mergulho com cilindro ou snorkel. É apenas preciso tomar cuidado para não ser espetado por um ouriço-do-mar.

Saiba como fazer intercâmbio em Malta

Conheça outras dicas de viagem com a GBTOURS

WhatsApp chat